fbpx

Mitos e verdades sobre as Lentes de Contato Dentais

Nem tudo é como parece ser...

O glamour em torno da Odontologia Estética, principalmente com o uso de laminados cerâmicos sobre os dentes não veio à toa. Desenvolvidos para recuperar a harmonia e forma dos elementos dentais, prometem satisfazer os pacientes mais exigentes com um novo e brilhante sorriso.
Não faltam por aí reportagens, vídeos no YouTube e programas de televisão que mostram o passo-a-passo da técnica que parece não trazer risco algum aos dentes. Bom, é aqui que entra o título desse post. Algumas situações devem ser levadas em consideração quando do planejamento desse tipo de tratamento, pois não é todo paciente que pode se beneficiar dele. Vamos conversar aqui sobre algumas desvantagens dessa técnica restauradora estética.

Manchas de antibiótico e Fluorose

Fluorose são manchas que acometem os dentes que sofreram uma exposição demasiada ao flúor quando da sua erupção na boca. Normalmente, são manchas esbranquiçadas presentes no esmalte dentário e não estão apenas na superfície Dependendo do grau dessa fluorose, essas manchas podem ser mais escuras. O manchamento por antibióticos também é um problema comum que afeta a superfície dentária.
Dependendo da intensidade de cada situação, a pigmentação que aparece na forma de faixas ou círculos, não responde ao clareamento dental. A desvantagem da lentes de contato dental nos procedimentos estéticos para correções de problemas de cor é nítida comparada à técnicas laminadas como facetas em porcelana, já que estas são mais espessas, mascarando estas alterações de cor presentes. Ao mesmo tempo, as facetas necessitam de um desgaste maior da estrutura dental.

Os dentes precisam estar razoavelmente alinhados.

Ao contrário das facetas, as lâminas em cerâmica dentais são indicadas para harmonizações e correções suaves de forma em dentes razoavelmente alinhados. Corrigir dentes tortos, com um desalinho no arco dental considerável e com muitas restaurações em resina é praticamente impossível. Por este motivo é que a técnica com lente de contato dental é bem indicada para fechamentos de espaços vazios (diastemas), harmonizações suaves na forma e comprimento dos dentes ou equilíbrio estético de alinhamento em elementos dentais isolados ou unitários.

Maior número de pacientes insatisfeitos com os resultados.

Entre as técnicas com laminados cerâmicos, as lentes de contato dental são as que geram insatisfação e frustração com os resultados (as outras duas são as facetas e fragmentos cerâmicos). Isso acontece devido a erros na indicação do tratamento. Transformações mais radicais na forma e cor dos dentes são melhor resolvidas com facetas em porcelana, mais uma vez, pela espessura da faceta e desgaste realizado na estrutura dental. Por outro lado, modificações suaves e pontuais nas superfícies dentárias encontram nos fragmentos cerâmicos, outro tipo de técnica restauradora, uma solução mais conservadora e segura.
A falta do efeito de transparência e que está presente no esmalte dental, evidencia a intervenção com próteses, deixando o sorriso com um aspecto mais artificial.

Dentes em cores muito claras são contraindicados à técnica.

Para uma boa parte das pessoas que procuram tratamento com lentes de contato dental, a cor do laminado é a parte mais importante. A procura para laminados em tons brancos ou bem mais claros que dentes naturais é cada vez maior. Esta é uma grande desvantagem da lente de contato dental: a tentativa de produzir sorrisos intensamente clareados quase sempre resulta em laminados espessos e sem naturalidade, como os comentados na foto acima.

As indicações para uso das lentes são restritas

As desvantagens das lentes de contato dental não decorrem apenas da extrema delicadeza da peça. Diferentemente da técnica com facetas em porcelanas, o tratamento é realizado quase sem desgastes sobre a superfície de esmalte dentário. Se por um lado essa característica traz mais segurança e preserva mais os dentes, por outro limita as as possibilidades para correções na forma e cor dos dentes. Isso faz da técnica de lentes de contato dental um procedimento raro e restrito a situações muito específicas.

Técnica mais sensível à qualidade de materiais e talento artístico do técnico do laboratório.

Finas e delicadas, as lentes de contato dentais, em qualquer descuido do técnico do laboratório ou do dentista, podem estragar o resultado final do tratamento. Isso é uma característica difícil de trabalhar nestes laminados pouco espessos. A utilização de porcelanas de qualidade superior e uso de laboratórios de prótese dentária dedicados à técnica são essenciais para os resultados. Isso gera um custo maior desses tratamentos, que acabam sendo repassados para o paciente. Um problema e tanto para uma técnica tão popular e pouco compreendida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *